Amor

Publicado: maio 17, 2012 em Uncategorized

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” (João 3:16

Amados, amemo-nos uns aos outros, porque o amor é de Deus; e qualquer que ama é nascido de Deus e conhece a Deus. Aquele que não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor. Nisto se manifestou o amor de Deus para conosco: que Deus enviou seu Filho unigênito ao mundo, para que por ele vivamos. Nisto está o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou e enviou seu Filho para propiciação pelos nossos pecados. Amados, se Deus assim nos amou, também nós devemos amar uns aos outros. Ninguém jamais viu a Deus; se nós amamos uns aos outros, Deus está em nós, e em nós é perfeito o seu amor.
Nisto conhecemos que estamos nele, e ele em nós, pois que nos deu do seu Espírito, e vimos, e testificamos que o Pai enviou seu Filho para Salvador do mundo. Qualquer que confessar que Jesus é o Filho de Deus, Deus está nele e ele em Deus. E nós conhecemos e cremos no amor que Deus nos tem. Deus é amor e quem está em amor está em Deus, e Deus, nele. Nisto é perfeito o amor para conosco, para que no Dia do Juízo tenhamos confiança; porque, qual ele é, somos nós também neste mundo. No amor, não há temor; antes, o perfeito amor lança fora o temor; porque o temor tem consigo a pena, e o que teme não é perfeito em amor. Nós o amamos porque ele nos amou primeiro. Se alguém diz: Eu amo a Deus e aborrece a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu? E dele temos este mandamento: que quem ama a Deus, ame também seu irmão
.” 1João 4:7-21

Em toda relação existe o tempo da conquista. As pessoas se aproximam, se conhecem e começam uma relação. Seja ela com um colega de trabalho, um parente distante, um irmão na igreja, um líder de célula, o futuro cônjuge.
A verdade é que só declaramos nosso amor quando conhecemos a pessoa, só quando descobrimos afinidades. Por isso a palavra diz “Nós o amamos porque ele nos amou primeiro.”.
Muitas vezes somos surpreendidos com o amor pelas pessoas. Ele simplesmente nasce em nossos corações, porque todo o que é nascido de Deus tem este sentimento disperso dentro de si.
Só conseguimos entender o amor de Deus quando vivenciamos o que Ele vive todos os dias deste a fundação do mundo.
Quando amamos alguém e declaramos nosso amor estamos sujeitos a 2 situações: a reciprocidade ou a rejeição.
Só quem vive as duas situações pode começar a entender o Amor de Deus.
Jesus sofreu rejeição.
“Era desprezado e o mais indigno entre os homens, homem de dores, experimentado nos trabalhos e, como um de quem os homens escondiam o rosto, era desprezado, e não fizemos dele caso algum.” (Isaías 53:3)
Acredito ser melhor a rejeição declarada do que a encoberta, porque quem encobre seus sentimentos abre precedente para as pessoas acharem o que elas quiserem.
Todo sentimento colocado à luz é admirado, mesmo que seja um sentimento ruim, pois trazido à luz pode ser trabalhado.
E assim Deus trabalha em nossos corações.
“Adúlteros e adúlteras, não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus.” Tiago 4:4 ARC
As paixões pelo mundo, pelas coisas que o mundo oferece nos separa do amor de Deus. Logo esquecemos que Ele sente prazer em nos proteger, em nos ter perto dele.
Nós O rejeitamos todas as vezes que preferimos trocar Sua companhia para fazer aquilo que nos dá prazer e que não nos edifica.
Ele nos ama e não importa o que façamos de mal, Ele continuará declarando Seu amor por nossas vidas.
Particularmente isso me impacta, atrai meu coração à desejar agradá-Lo e tudo o que faço ainda é pouco pelo que Ele já fez e ainda fará por mim.
Deus é o ar que respiramos, e nossa alegria, é nossa força, nossa proteção.
Jesus espera que abramos nossos corações para Ele entrar. E Deus se agrada quando usamos nosso livre arbítrio para O aceitar como Senhor de nossas vidas.
Quantas pessoas estão hoje se sentindo rejeitadas, humilhadas, entristecidas, abatidas, desencorajadas e derrotadas.
É para estes que Jesus morreu; Ele mesmo declarou: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.” Mateus 11:28
Se deixe envolver por este amor, que já nos pertence antes mesmo de pertencer a ele, “porque Deus é amor”.
Deus os abençoe hoje e sempre.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s